Hit Parade Parisiense em Maio 1968

Françoise Hardy


Tive curiosidade de saber o que estava rolando nas paradas parisienses em maio de 68. Depois de muita procura, encontrei um blog muito interessante com notícias diárias de Paris em 1968. Até preço de alimentos, como baguete, por exemplo. Em 31 de maio noticiaram que “a Sorbonne teve 5 focos de incêndio, o que exclui a hipótese de acidente. O ‘comitê de ocupação’ denunciou prontamente esse incidente”. A lista que encontrei vai de 15 de maio a 15 de junho de 1968. É uma lista longa, mas me satisfiz em anotar as 10 +.

1. “Entre mes mains” – Johnny Halliday

2. “Quand une fille aime un garçon” – Sheila

3. “Jacques a dit” – Claude François

4. “Je n’aime que toi” – Eddy Mitchell – Não encontrei a versão de Eddy Mitchell

5. “Quelque chose en moi tient mon coeur” – Herbert Leonard

6. “Attends-moi” – Monty

7. “Baby Capone” – Sylvie Vartan

8. “Le ruisseau de mon enfance” – Adamo, versão apresentada no Olympia, em 1969

9. “Bonjour Salut” – Antoine

10. Je ne ce pas que je veux – Françoise Hardy

Sobre Françoise Hardy, não deixe de ver no blog Tongue in Chic, de Kuala Kumpur, que a posteriori, em 29.4.09, publicou a coluna “Icon of the Week : Françoise Hardy”: http://www.tonguechic.com/articles/1353-Icon-of-the-Week-Françoise-Hardy

Achei incrível não haver nada, nada, do que rolava de mais instigante musicalmente no mundo.

Para quem quiser se aprofundar mais : http://tempsreel.nouvelobs.com  Procure a página “Le Quotidien de 1968”.

2 Respostas to “Hit Parade Parisiense em Maio 1968”

  1. oi, edi!

    em primeiro lugar, quero dizer q foi extremamente agradável a manhã que vc nos concedeu. grata mais uma vez. para mim, a segunda parte, sobre a guerra fria, foi muito instigante.

    inevitável voltar aqui.

    sou
    fatos
    pensamentos
    sentimentos
    respingos de uma época
    humanidade em processo

    1968
    eu, frêmito de forças, no vão das entranhas
    2008
    eu, história perambulando o tempo

    1968
    forças, fôlegos, fantasias…
    2008
    fermentos, fiascos, fantasmas…

    1968
    um turbilhão de fatos
    2008
    eu, liquidificador

    1968
    o ano que ecoou
    2008
    eu, ecos…

    ***

    aH! vc já foi à exposição 50 anos de bossa?

    ***

    sugestão: o texto acima ficaria mais interessante se vc postasse as músicas diretamente para apreciação. veja se é possível. ficará mais rico.

    beijoterno,
    sel

  2. […] Credits: 60, Massive Type, Trashionista, Chicago Boyz, Center Blog, Spilled Martini, Amp Noise, All […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: