60. Música. Política. Revolução Cultural

por edi cavalcante

Desde os anos 70, venho colecionando textos, informações, matérias, livros, que me auxiliem a compreender o que aconteceu naquela década em tempo vivido e em perspectiva. A partir de 2004 é que comecei a perceber que havia uns habitantes desconhecidos fazendo barulho no meu sótão mental, me incomodando, como um cinema interno de alta velocidade passando e repetindo todas as cenas e fatos que me fascinavam e que me fascinam. Significa que sou apaixonado pela década de 60 e que tinha de assumir esse fato. As peças começaram a se juntar e pediam que fossem exteriorizadas. Como se ‘alguem’ estivesse escrevendo um livro dentro de mim. Ainda de forma inconsciente, passei a falar sobre o assunto em conversas com amigos e senti que estava ficando chato, ao mesmo tempo que estava jogando ao vento material tão caro para mim. Decidi organizar esse material na minha cabeça, separando tudo quanto havia colecionado e comecei a escrever a mão esboços de idéias para tornar compreensível aquele monte de informação. Agora entendo porque guardei durante tanto tempo caixas cheias de matérias e recortes sobre o assunto. Já havia um projeto interno sendo construido à minha revelia e só agora ( começou a ser digitado em 3.04.06 ) começa a ter uma forma. Talvez eu ficasse louco se não fizesse isso. Sou artista visual. Artistas estão sempre efervescendo interiormente alguma força maior falando e repetindo obssessivamente para expressar e exteriorizar as informações que vem do fundo. 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: